Arquivo da categoria ‘News’

Devachan 2019_Baixa

Stress, Dorsal Atlântica, Centúrias, Harppia, Vírus, Salário Mínimo. Essas são algumas das primeiras bandas de heavy metal do Brasil. Há mais de 35 anos elas iniciaram uma tradição que até hoje é seguida por centenas de outras novas bandas. Entretanto, uma importante característica original do heavy metal brasileiro foi sendo deixada de lado ao longo dos anos: as letras em português.

De uma pequena cidade do interior de São Paulo surgiu a Devachan, uma banda de heavy metal que não só tem como objetivo resgatar essa prática de cantar em alto e bom português, mas de manter a prática em família.

Conceitualmente, a Devachan teve origem 30 anos atrás quando o músico Daniel Dias escreveu suas primeiras letras – na mesma época que o heavy metal dava seus primeiros passos no Brasil com os grupos citados.

O material ficou guardado até 2010 quando seus filhos Gabriel Dias (vocalista) e Leandro Dias (guitarrista) decidiram formar uma banda. A decisão de usar as letras do pai e tê-lo como baixista do grupo parecia óbvia.

O primeiro registro oficial da banda foi o EP “Andarilho” que reuniu seis faixas com as mesmas letras escritas em português por Daniel Dias há mais de 30 anos.

Muito bem recebido por público e crítica, “Andarilho” rendeu consideráveis elogios de muitos jornalistas, que legitimaram a escolha do idioma escolhido pela banda para dialogar sobre questões filosóficas e existenciais. 

Devachan - Regeneração
Empolgados com o resultado obtido em “Andarilho”, o Devachan, que além de Daniel e os filhos Gabriel e Leandro ainda conta com o tecladista Michael Veríssimo, lança agora seu disco debute. Intitulado “Regeneração”, o trabalho foi financiado pela Lei de Incentivo a Cultura (LINC) de Boituva/SP e inclui dez faixas inéditas: “Domain Principia Inferiorum”, “Regeneração”, “Jogo da Vida”, “Um Sonho?”, “Loucuras, Guerras e Poesias”, “Devachan”, “Olho Por Olho…”, “Caminho do Medo”, “Eis A Questão” e “Punctus Contra Punctum”.

Gravado, mixado e masterizado no estúdio Music House por Felipe Colenci e Rodrigo Ricardo, “Regeneração” representa a culminância criativa do Devachan. As melhores letras já escritas por Daniel primorosamente harmonizam-se aos pesados e intricados riffs de Leandro, às potentes melodias de voz de Gabriel e às matizadas texturas de teclado de Michael, numa coesão substancial que só o heavy metal feito em família poderia proporcionar.

“Tocar heavy metal com meus filhos é algo muito especial em minha vida”, diz o baixista Daniel Dias, de 61 anos de idade. “Sempre gostei muito de escrever como forma de expressar o que sentia, mas nunca esperei que um dia elas seriam transformadas em músicas. Decidimos mantê-las em português para que qualquer pessoa possa entendê-las e sentir seu significado.” 

Já para o filho de Daniel e guitarrista, Leandro Dias, “Regeneração” é uma fusão de sentimentos.

“Colocar o projeto “Regeneração” em prática foi como fundir emoções. Primeiro veio o sentimento de nostalgia, pois estávamos gravando músicas que ouvimos nosso pai tocar no violão desde quando éramos crianças. Depois também experimentamos outros sentimentos como raiva, alegria, ansiedade, felicidade…  Acredito que tudo isso culminou e ajudou na sonoridade do álbum, afinal, o disco retrata essencialmente isso: as emoções! Todos os envolvidos se entregaram de corpo e alma para as gravações desse trabalho. O sentimento final é de orgulho, felicidade e de dever cumprido por ter tido a oportunidade de compartilhar tudo isso em família. Pois isso é o que é a Devachan: uma grande família, incluindo todas as pessoas que já passaram pela banda.”

“Regeneração” foi lançado tanto em formato físico como digital. A edição física em Cd está à venda na Die Hard Records: http://twixar.me/x4nK 

“Regeneração” está disponível nas principais plataformas digitais:
Spotify: https://spoti.fi/2ThFXN1 
Deezer: https://bit.ly/2ThL4gu

iTunes: http://twixar.me/LvnK

Google Play: http://twixar.me/2hnK 
Amazon: http://twixar.me/rhnK 
Youtube: http://twixar.me/1vnK 

Mais Informações:
www.facebook.com/banda.devachan

www.youtube.com/devachanoficial

www.twitter.com/devachanoficial

www.soundcloud.com/devachanoficial

Som do Darma

One-Arm-Away-Oblivion-of-Divinity-baixa.jpg

A banda One Arm Away acaba de lançar seu mais novo videoclipe. “Oblivion of Divinity” é o nome do novo single da banda que conta com Antonio Araújo (Korzus) na guitarra e voz, Felipe Andreoli (Angra) no baixo e Edu Garcia (John Wayne) na bateria. Neste dia 20 de março acontece o lançamento mundial em todas as plataformas digitais de streaming, além de um videoclipe no YouTube. 

Assista o videoclipe de“Oblivion of Divinity”: 

A música “Oblivion of Divinity” conta com a participação especial do renomado guitarrista Michel Leme com um grande solo e também de Rafael Cadena, da banda pernambucana Cangaço, nos vocais guturais.

Ficha técnica:
Gravado no Dharma Studios – SP
Produzido por Heros Trench e Rodrigo Oliveira
Sound Tech – Zé Luiz Carrato

“Essa música foi composta no ano passado e acredito que seja o som mais violento já feito pela banda… Tanto musical como liricamente. Não vejo a hora de poder mostrar à todos o que preparamos, disse Antônio Araújo, líder da banda.

Sigam a banda nas redes sociais:
Instagram: @onearmaway
Facebook: http://www.facebook.com/onearmaway

TRM Press

Crédito Samuel Macedo_.jpg.jpg

Jefferson Gonçalves é uma das principais referências dentro do cenário da gaita no Brasil e no mundo. Seu trabalho já foi elogiado por vários músicos, revistas e sites internacionais. Com seu estilo inconfundível e original consolida de vez sua competência e criatividade fazendo misturas autênticas, onde estilos diferentes se unem para criar uma atmosfera tipicamente brasileira, sua gaita faz um mix entre a música negra norte americana e o regionalismo dos ritmos nordestinos como o forró, o baião, o xaxado, o maracatu, entre outros.

O Músico optou em fazer uma sonoridade própria, tecendo e misturando sons, desmontando e construindo ideias palpáveis, tangíveis, que, de tão imaginárias (e imagináveis), se fazem concretas e isso ele mostra em seus discos e em turnês pelo Brasil e por vários países, promovendo fusões, diálogos e intercessões entre gêneros que aparentemente são distintos mas que têm similaridades inescapáveis a ouvintes atentos.

Acompanhados pela sonora trupe de Kleber Dias, Fabio Mesquita, Marco BZ e Marco Arruda; Jefferson cuida de instigar os ouvintes, intimá-los a não parar de, ao menos, bater os pés sob ritmos intensos.

Não é exagero dizer que Jefferson Gonçalves e Banda garimparam uma preciosa convergência. Juntaram entre gaitas e violão de 12 cordas, Slide, Ukelele, surdos e pandeiros, o que se ouve nas ruas, o que se ouve nas feiras, o que se fala, se grita e se sussurra.

No repertório: músicas autorais, clássicos do Blues, Country Blues, Folk, entre outros estilos, num show alto-astral, contagiante e dançante.

Com isso, o carioca Jefferson Gonçalves se destaca como um dos mais versáteis nomes da gaita, tocou para públicos diversos, apresentando-se em algumas das melhores casas de Blues do mundo, como: Teatro San Martin (Buenos Aires), Blue Note (Nova York), Deep Ellum Blues (Texas) e Bamboo Room (Flórida), em seu currículo também  constam apresentações na Espanha (Madrid e Toledo), Alemanha (Frankfurt),Chile (Santiago e Valparaíso) e África (Senegal).

Com toda esta experiência adquirida em centenas de shows, gravações e workshops, Jefferson Gonçalves tem sido uma referência em harmônica no Brasil e no mundo, por isso, em 2017 foi convidado pela empresa alemã Seydel Harmonicas, para ser o primeiro endorse brasileiro a fazer parte do time Seydel Harmônicas.

Jefferson Gonçalves tem um estilo único de tocar harmônica e mostra isso em seus discos e shows com muita competência, Enfim, um músico completo que encanta plateias por onde passa.

E para a noite ficar ainda melhor convidamos a grande revelação do Blues carioca:

S O N J A!

Combina o Blues, com o Rock n Roll, uma de suas maiores influências, e o veneno do Soul.

 É membro da banda Caravana Cigana do Blues e já cantou ao lado de grandes artistas de Blues como: J.J. Jackson, Little Jimmy Reed, Álamo Leal, Otavio Rocha, Big Gilson, Sergio Rocha, entre outros.

Aos 26 anos e cantando sua alma desde os 6, Sonja participou de musicais, trabalhando com grandes diretores, como Paulo Afonso de Lima. Lançou seu primeiro single “Blues By My Side”, em 2013, que deu início a sua carreira no Blues. Foi convidada a participar de programas de televisão como The Voice Brasil e X-Factor, e em 2013 foi uma das fundadoras da banda Caravana Cigana Do Blues, trabalho de grande expressão dedicado à interpretar clássicos do gênero. Desde então já tocou em palcos de grandes festivais como Rio das Ostras Jazz e Blues Festival, Mississipi Delta Blues Festival, Aldeia Rock Festival, entre outros.

Do encontro da cantora com Marcus Kenyatta e Marco Lacerda da banda LARANJELETRIC, nasce seu primeiro disco, que não por acaso foi batizado com seu nome, a fim de fincar seu pé, firme, no solo do gênero e em grande estilo. Conta com as participações de Flávio Guimarães e Otávio Rocha, grandes nomes do Blues Etilicos na faixa “Morning Blues”; um dos maiores nomes da Harmônica no Brasil, Jefferson Gonçalves, na faixa “Here To Stay”; Enio Vieira, com quem fundou sua primeira banda em 2013 e grande parceiro desde então; além de Jr. Trakinas, nas faixas “The Pray” e “He Got Me”, saxofonista experiente no cenário brasileiro, Bruno Durans(In Memorian) percussionista e grande amigo, e outros grandes nomes. Contou também com a engenharia de som de Daniel Cheese, responsável pela gravação de alguns dos maiores discos de estreia do Blues no Brasil.

Serviço

Teatro Rival Petrobras – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro. Data: 27 de março (Quarta-feira). 

Horário: 19h30. 

Abertura da casa: 18h. 

Ingressos: R$ 50,00 (Inteira), R$ 25,00 (meia-entrada), R$ 35,00 (Promoção para os 100 primeiros pagantes) 

Venda antecipada pela Eventim –http://bit.ly/IngressosRival2019_2GIaEKp  

Bilheteria: Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 22h 

Censura:18 anos. www.rivalpetrobras.com.br

Informações: (21) 2240-9796. 

Capacidade: 350 pessoas. Metrô/VLT: Estação Cinelândia.

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários da Petrobras, Clientes com Cartão Petrobras e Assinantes O Globo.

SG Assessoria de Imprensa

A-ha Cover Rio_banda carioca.jpg

Algumas pessoas podem não saber, mas o trio pop rock A-ha estabeleceu recorde mundial ao tocar para 200 mil pessoas no Rock in Rio de 1991. 24 anos depois, em 2015, eles voltaram ao festival com um show repleto de hits. O sucesso ininterrupto vem desde 1983 e uma legião de fãs segue firme a banda. É inspirado nessa trajetória que o Teatro Rival Petrobras, em parceria com a Banca do Blues, apresenta o show “A-ha Cover Rio”. O espetáculo acontecerá em única apresentação no dia 28 de março, às 19h30, com banda formada por músicos renomados da cena carioca.

tributo ao A-ha realizado pelo grupo cover formado por Érico Becker (voz), Hércules Costa (guitarra), Alex Feitosa (teclado), Robson Godoi (baixo) e Adriano Morais (bateria), reproduz fielmente as canções da banda norueguesa. Com pop rock recheado de originalidade e carisma o “A-ha cover Rio” vai fazer uma viagem emocionante no tempo.

Canções como “Crying In The Rain” e “Take on Me” (de 1985) não ficarão de fora do repertório, que traz ainda “I’ve Been Losing You”, que faz parte do segundo álbum da banda “Scoundrel Days” (1986); “Cry Wolf”, que está no mesmo álbum; a romântica “Stay On These Roads”, de 1988. De 1993 vem “Move To Memphis”, “You Are The One”, canção do disco de 1988, intitulado “Stay on These Roads” e também “Forest Fire” e “Under The Makeup”, canções mais novas lançadas em 2015. Há espaço para “The Sun Always Shines On TV”, do disco “Hunting High and Low”, de 1985; “The Living Daylights”, faixa título do disco de 87.

Pra turminha jovem que nunca ouviu falar do grupo, o A-ha é uma banda norueguesa de new wave e pop rock, formada na cidade de Oslo, Noruega, em 1982, que mantem desde então, os mesmo integrantes: Morten Harket, Magne Furuholmen e Påul Waaktaar. O grupo alcançou enorme sucesso mundial nos anos 1980, se tornando umas das bandas mais famosas daquela década e ganhadora de prêmios como 8 MTVs, indicações ao Grammy.

O show no Teatro Rival Petrobras vai mostrar que a banda deixou um legado impressionante de boas músicas.


Serviço

Teatro Rival Petrobras – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro. 

Data: 28 de março (Quinta). Horário: 19h30.

Abertura da casa: 18h. 

Ingressos: R$ 50,00 (Inteira),  R$ 35,00 (Promoção para os 100 primeiros pagantes) R$ 25,00 (meia-entrada), R$ 25,00 (Lista Amiga) 

Venda antecipada pela Eventim –http://bit.ly/IngressosRival2019_2GIaEKp 

Bilheteria: Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 22h 

Censura: 18 anos. www.rivalpetrobras.com.br

Informações: (21) 2240-9796. 

Capacidade:350 pessoas. 

Metrô/VLT: Estação Cinelândia. 

Evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/328299387870688/

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários da Petrobras, Clientes com Cartão Petrobras e Assinantes O Globo.

 

SG Assessoria de Imprensa

Capa ep.jpg

O grupo paulistano de Heavy/Doom Metal Tenebrario, anunciou o lançamento da versão física do seu mais recente trabalho, o EP “The Silence of the Ancient Souls” em parceria com a gravadora Erinnys Productions. Anteriormente o disco havia sido lançado nas plataformas digitas de streaming pela Cangaço Rock Comunicações.

A versão física, assim como a digital, apresentará 04 músicas, sendo duas delas inéditas e duas releituras. As letras das composições retratam histórias que se passa no subconsciente de uma pessoa que ainda criança teve perdas significativas na família: sofrimento e frustrações; atributos da psiquê, do subconsciente, que faz que essa pessoa sinta um vazio ensurdecedor e agonizante.

O EP foi gravado e produzido por Alexdog no KW Home Studio em São Paulo/SP. O desenvolvimento da arte e design da capa ficou por conta de Ludwick Schölzel.

Quem tiver interesse em adquirir o material físico na pré-venda, basta entrar em contato por meio do Facebook da banda; distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions – www.facebook.com/erinnysprod/.

Enquanto a versão física não chega, ouça o EP “The Silence of the Ancient Souls” na íntegra através das plataformas digitais streaming:

Deezer: https://bit.ly/2IHbkfi

Spotify: https://spoti.fi/2qn6bl1

Claro Música: https://bit.ly/2H8sKEt

Tidal: https://bit.ly/2GPupeL

YouTube: https://bit.ly/2v2Gj3d

Napster: https://bit.ly/2v1rXAh

Bandcamp: https://bit.ly/2v9UMuD

SoundCloud: https://bit.ly/2HnDNqY

Google Play Music: https://bit.ly/2qk6gGO

Amazon Music: https://amzn.to/2v1XPVp

Contato: alexdog74@hotmail.com

Links relacionados:

Facebook: https://www.facebook.com/TenebrarioOfficial/

Palco mp3: https://www.palcomp3.com/tenebrario/

SoudCloud: https://soundcloud.com/kwhomestudio

Instagram: www.instagram.com/tenebrario_official/

YouTube: https://www.youtube.com/user/TENEBRARI0

Assessoria de Imprensa:

www.cangacorockcomunicacoes.com/

www.facebook.com/cangacorockcomunicacoes/

www.instagram.com/cangaco_rock_comunicacoes/

Fonte: Cangaço Rock Comunicações

Lilium TOS

Gleyce Vieira, vocalista da banda pernambucana de Symphonic Metal Lilium Vitae foi oficializada como uma das participantes do “Temple Of Shadows In Concert” em Recife.

O projeto organizado pelo lendário vocalista Edu Falaschi consiste em uma apresentação integral do álbum “Temple Of Shadows, lançado pelo Angra em 2004, acompanhado de orquestra sinfônica e 2 vocalistas de cada local, sendo que Gleyce irá ser uma das representantes de Recife na apresentação marcada para o dia 05/04.

Segundo a banda, “estamos muito honrados em ter nossa vocalista presente nesta que certamente será uma noite histórica. “Temple Of Shadows” é um álbum marcante não só do cenário nacional ocmo também mundial e ter um pouco da Lilium Vitae na celebração de seus 15 anos é algo que muito nos orgulha”.

Para maiores informações sobre a apresentação, basta clicar no link abaixo:

https://bit.ly/2HvOIB9

– – –

Lilium Vitae – Libertação

– – – 

Lilium Vitae é:

Gleyce Vieira: Vocal

Leandro Silva: Guitarra/Voz

Cristiano dos Santos: Baixo

Álvaro Botelho: Teclado

Tarcílio Soares: Bateria

 – –

Contatos:

Facebook: www.facebook.com/liliumvitae

E-mail: liliumvitaeoficial@gmail.com

Instagram: @bandaliliumvitae

Youtube: tinyurl.com/y4ujnenx

Fonte: Lex Metalis Assessoria

RATOS_DE_PORÃO_CARTAZ.png

A lendária banda Ratos de Porão voltará aos palcos da Hocus Pocus, em São José dos Campos/SP. Após alguns anos sem shows na região, a banda irá comemorar os 30 anos do disco “Brasil” em evento organizado pela RMZ Production.

“Brasil” é disco extremamente atual, politicamente falando. A celebração, que acontecerá no dia 22 de junho, às 19h, ainda contará com nomes importantes do underground nacional que também possuem posicionamentos ideológicos bem definidos.

Desalmado, banda paulistana de grindcore que se revelou um expoente da música extrema nacional. Com uma discografia de peso, com destaque ao último lançamento “Save us from ourselves”, já possui um público consolidado na região, que não espera nada menos que uma destruição sonora.

Manger Cadavre?, representando o Vale do Paraíba, possui integrantes de SJC e Pindamonhangaba, tem se destacado pela participação em grandes festivais nacionais, como Setembro Negro, Oxigênio Festival, Abril Pro Rock, dentre outros. Com vocal extremo de Nata de Lima, faz um hardcore crust que passeia entre o punk e o metal.

Mais informações: https://www.facebook.com/events/216348792552942/

Ratos de Porão: https://www.facebook.com/RatosdePoraoOficial/
Desalmado: https://www.facebook.com/desalmado.band/
Manger Cadavre?: https://www.facebook.com/mangercadavre/

Diy Soma Press