Posts com Tag ‘Siege of Hate’

mail

O mais novo álbum do SIEGE OF HATE, intitulado “Cerco de Ódio” é seu primeiro registro de estúdio com músicas em português, no estilo Grind/Crustcore. Além das novas músicas em português, o CD conta com duas homenagens a clássicos do Death Metal nacional, “Believers of Hell”, do Mutilator e “God’s Spreading Cancer”, do Headhunter D.C. e mais 22 faixas bônus, incluindo 6 inéditas, mais o EP “Brave New Civil War” (lançado somente em vinil), músicas lançadas previamente apenas em coletâneas e também músicas ao vivo – gravadas no Festival Catharsis, na Espanha, em 2013, totalizando 28 faixas.

SIEGE OF HATE Cerco de Ódiohttps://www.youtube.com/watch?v=wm1q9UCUJ20

CRIMINAL ATTACK RECORDS 

 

Fonte: Criminal Attack Records

mail.jpg

Além das novas músicas em português, o CD traz uma dura homenagem a um clássico do death metal nacional, “Believers of Hell”, do lendário Mutilator. Tem, ainda, 23 faixas bônus, incluindo seis inéditas, as faixas do EP Brave New Civil War (lançado apenas em vinil), músicas lançadas previamente em coletâneas e gravações ao vivo no Festival Catharsis, na Espanha, em 2013.Pela primeira vez em quase 20 anos de carreira, a banda cearense de death/grind metal Siege of Hate, uma das mais tradicionais do estilo no Brasil, lança um disco com letras em português. É o Cerco de Ódio, sétimo registro da carreira que oficialmente saiu no último dia 6 de novembro. O CD, em formato digipack, saiu pela Vertigo Discos em parceria com a Electric Funeral Records e outros selos.

Cantar em português, conta a banda, foi a realização de um antigo projeto. “Algumas de nossas influências têm letras em português (RDP, Cólera etc.). Quando gravamos essas músicas em SP, que eram todas numa ‘vibe’ mais grindcore, voltando às origens da banda, juntando com as letras que eu estava escrevendo, bem voltadas a temas do Brasil, achei o momento ideal para gravarmos em português”. O resultado é uma original mistura de punk, crust e grindcore old school.

Críticas a assuntos cotidianos pautam as letras escritas neste registro, com enfoque ao clima hostil impregnado na sociedade devido às eleições de outubro e um passado recente de embates políticos que dividiram o Brasil. “Isso não tinha como passar em branco. Assim, as letras desse álbum falam sobre o clima de ódio que vem crescendo na nossa sociedade (Era do Ódio, Feeding on Hatred), sobre a falta de ética e moral na população (Crise Real), a auto-destruição dos que lutavam pelo povo e se tornaram iguais aos seus inimigos, inspirada na Revolução dos Bichos, de George Orwell (Derrocada dos Porcos), políticas de desenvolvimento deturpadas e que prosperam a exploração dos mais pobres (Miséria Sustentável e Decadent Development), a impunidade representada pela tragédia de Mariana (Sufocados pela Lama) e o julgamento sem fim da corrupção no Brasil (Mafia on Trial)”.

Cerco de Ódio está à venda pelo site da Electric Funeral: www.electricfuneralrecords.com

A BANDA – Formada em 1997, a banda Siege of Hate (S.O.H.) vem desde o lançamento da Demo Return to Ashes (1998) crescendo ano a ano na cena Underground nacional, com o posterior lançamento do primeiro CD, Subversive by Nature (2003), do Split-CD Out of Progress (2006) e participações em vários CDs-coletâneas da cena Punk/HC e Metal, além de muitos shows pelo Nordeste, Sul e Sudeste do país. Em 2004 Subversive by Nature foi lançado na Europa, Ásia e EUA, obtendo uma ótima resposta na mídia especializada mundial, firmando a banda como um dos maiores expoentes do estilo Grindcore no Brasil.

A consolidação do S.O.H. na cena internacional veio no 2º semestre de 2009, com o lançamento do segundo CD Deathmocracy no Brasil e Europa e a realização da primeira turnê europeia da banda, com 16 shows em 07 países (Portugal, Alemanha, Rep. Checa, Áustria, Eslovênia, Itália e França).

Atualmente formado por Bruno Gabai (vocais e guitarra), George Frizzo (baixo) e Eduardo Lino (bateria), a S.O.H. continua apresentando a realidade explícita em suas letras, junto à fórmula musical que lhe é característica, com um “crossover” entre o mais extremo Grindcore, o Death Metal e o Hardcore “old school”, resultando em uma avalanche de energia sonora.

Contatos: 
E-mail: siegeofhate@yahoo.com.br 
Site Oficial: www.siegeofhate.com.br 
Facebook: www.facebook.com/siegeofhate 
YouTube: www.youtube.com/siegeofhate 
Instagram: @siegeofhate 
Twitter: www.twitter.com/siegeofhate 
Soundcloud: soundcloud.com/siegeofhate 
Bandcamp: siegeofhate.bandcamp.com

Fonte: Tedesco Comunicação & Mídia

FLYER2

Siege of Hate (S.O.H.)
Formado no ano de 1997, o Siege of Hate (S.O.H.) vem desde o lançamento da Demo-Tape Return to Ashes (1998) crescendo ano a ano na cena Underground nacional, com o posterior lançamento do 1º CD, Subversive by Nature (2003), do Split-CD Out of Progress (2006) – dividido com os canadenses Time Kills Everything – e participações em vários CDs-coletâneas da cena Punk/HC e Metal, além de muitos shows pelo Nordeste, Sul e Sudeste do país. Destaca-se que em 2004 Subversive by Nature foi lançado na Europa e Ásia pelos selos Karmageddon Media/New Aeon Media e nos EUA pela Candlelight Records, obtendo uma ótima resposta na mídia especializada mundial, firmando a banda como um dos maiores expoentes do estilo Grindcore no Brasil.
A consolidação do S.O.H. na cena internacional veio no 2º semestre de 2009, com o lançamento do 3º CD Deathmocracy no Brasil, em parceria com os selos Travolta Discos, Encore Records e Kaska Krosta, e na Europa pelo selo alemão Bomb This Shit Productions e a realização da 1ª turnê européia da banda – “Enjoy Your Life and Grind Tour” – com um total de 16 (dezesseis) shows em 07 (sete) países (Portugal, Alemanha, Rep. Checa, Áustria, Eslovênia, Itália e França). Atualmente formado por Bruno Gabai (vocais e guitarra), George Frizzo (baixo) e Saulo Oliveira (bateria).

HORRIFICIA
Banda de grindcore formada em 2005 na cidade do Rio de Janeiro. As letras abordam o tema Terror de Filmes a contos fictícios. A banda lançou uma demo no mesmo ano que obteve boa repercussão dentro do cenário fazendo com que recebessem alguns convites para apresentações ao vivo.
A banda lançou no ano de 2006 um split CD com o grupo equatoriano RAPED BITCH recebendo grande destaque nas mídias especializadas na época. Receberam convite para participar dos tributos as bandas SLAEYR e NASUM.
O Horrificia conta com uma tour de 8 dias pelo Nordeste e alguns shows na cidade como a abertura para a banda RATOS DE PORÃO.
A banda atualmente se prepara para lançar seu primeiro FULL LENGHT pelo selo HUMANOS MORTOS.

PRODREIRAS
Como mais de 20 anos de história, referência em grindcore no Rio de Janeiro. Banda formada em Sao Gonçalo na década de 90. Com uma tendência ao som GrindCore a banda marcou presença forte no grande Rio / Volta Redonda / e Juiz de Fora.
Com influencias de banda como Napalm Death, Terrorizer , Carcass entre outras , durante estas duas décadas de existência , 3 demos foram gravadas: Doom Demo1991, Behind the Walls of Submission Demo1995 , Never Too Late Demo 2013.
A banda é formada por: Vocal / Guitarra – Dino, Batera – Murilo e Baixo – Marcio Alexandre.

A festa ainda conta com:
+ Wifi Zone
+ Lounge
+ Playstation com diversos jogos
+BARphomet com os melhores drinks, cervejas e petiscos

Serviço:
31 de outubro (sábado)
Rua Prof. Alfredo Gomes 33 – Botafogo (esquina com Bambina/saída do metrô da São Clemente)
Abertura da casa: 19h00
Ingresso: R$15,00

Fonte: Sylvia Sussekind (Collapse Agency)