Posts com Tag ‘Overdose Nuclear’

A banda OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, fará um show especial no dia 08/11, a partir das 20:30, que será transmitido ao vivo através de seu canal no Youtube. A apresentação será realizada no Firma, principal centro de cultura alternativa do Litoral Norte de São Paulo, seguindo todos os protocolos relacionados à COVID-19, sem presença de público. O show será apresentado por Phill Lima, da Agência OM e Over Metal. Julio Candinho (vocal), Marcus Goulart (guitarra), Gustavo Albado (baixo) e Samuel Marques (bateria), que tem participado de diversos festivais online, além de realizado o próprio festival, o “Inverno de Aço”, buscam levar ao público entretenimento e ao mesmo tempo aproveitarão a oportunidade para conscientizar a população sobre a importância da preservação dos rios. Na ocasião, farão frente com uma proposta beneficente para ajudar na preservação dos rios da cidade, que carecem de maior visibilidade da administração pública.

Conhecida pelo turismo de suas belas praias, a cidade também ficou famosa por ser palco de diversos enfrentamentos entre europeus e indígenas no século XVI. De natureza exuberante, Ubatuba possui rios e córregos que sofrem com a poluição, fruto do descaso dos governantes e também de uma parcela da população, como explicou o vocalista Julio Candinho: “Resolvemos fazer este show beneficente com o intuito de conscientizar a população, e embora saibamos que é uma tarefa difícil, queremos fazer nossa parte. Então, vamos ajudar a divulgar o projeto “Salve um Rio” da nossa amiga Lidi Keche que têm feito um trabalho voluntário excelente na preservação e limpeza do Rio Tavares, que passa por diversos bairros da cidade, desembocando na praia do Itaguá, ao lado de um ponto turístico, a Praça da Baleia”.

Colabore com a Vakinha virtual do projeto:

http://vaka.me/1394317

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Youtube: https://www.youtube.com/overdosenucleartv

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Wargods Press

A banda OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, será a única banda brasileira presente na segunda edição do festival online “Pandemic Terror Fest”, que será realizado no dia 29 de agosto, a partir das 22h. Organizado pela Living Metal Producciones, o evento contará ainda com as seguintes bandas (confirmadas até o momento): Evilution (Colômbia), Next (México), War Kabinett (México), 4Estigma (Chile), GuerraSanta (Argetina), Savanth (México), Derian (Venezuela), Halcón 7 (México) e Atavi (Colômbia). Será a terceira aparição em festivais online da banda, que já participou do Roadie Crew Online Festival e do Metal com Batata Stay Home Festival.

Para mais informações sobre o festival, acesse:

https://www.facebook.com/LivingMetal

O OVERDOSE NUCLEAR também planeja para o dia 19/09 a edição online de seu próprio festival, o “Inverno de Aço”. Segundo comunicado do vocalista Julio Candinho, “O inverno está chegando ao fim, mas a pandemia não, então nos reunimos e decidimos realizar a edição 2020 do festival em formato “Live streaming” no YouTube e Facebook para matarmos um pouco da saudade do nosso underground e ajudarmos as bandas. Faremos uma Vakinha Online e todo o dinheiro arrecadado será dividido entre as bandas participantes do festival!”. O cast do evento e demais informações serão divulgadas em breve.

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

Contatos:

Site oficial: http://www.overdosenuclear.com.br

Facebook: http://www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: http://www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: http://www.wargodspress.com.br

Wargods Press

OverdoseNuclear - Press

A banda OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, participará de dois festivais online nos próximos dias. Nesta sexta-feira, 10 de julho, Julio Candinho (vocal), Marcus Goulart (guitarra), Gustavo Albado (baixo) e Samuel Marques (bateria) participarão da quarta edição do Roadie Crew Online Festival, realizado pela revista Roadie Crew com a produtora Som Do Darma. Já na próxima semana, no dia 17 de julho, o grupo estará no cast da segunda edição do Metal com Batata Stay Home Festival, organizado pelo programa de rádio Metal com Batata. 

O já tradicional evento da Roadie Crew terá transmissão “Streaming-Live” exclusiva pelo canal oficial da Roadie Crew no Youtube – www.youtube.com/roadiecrewmagtv. A quarta edição do evento vai ao ar na sexta-feira, dia 10 de julho, a partir das 19h:30, e contará ainda com as seguintes atrações: Sepultura, Mystifier, Wizards, Paradise In Flames, Bywar, Delinquentes, Maestrick, Attractha, Vulture, Marenna, WolfPire, Spiritual Hate, Endrah, além de dois especiais com Ignispace e Coven Japan tocando Queensrÿche e o Warshipper e Hammathaz tocando Deicide. O Metal com Batata Stay Home Festival será veiculado no canal do Youtube www.youtube.com/metalcombatata a partir das 21h, com transmissão simultânea na Rádio Baixada Santista (www.radiobaixadasantista.com.br). O festival contará ainda com as seguintes bandas: Fusileer, Dinnamarque, Final Disaster, Anama, Fishead, Dark Valley, Hollow, Gravekeepers, Jukebox From Hell, Azzarok, Thunderspell, 3000AD (Nova Zelândia) e Autopsya (Portugal).

 Para mais informações sobre o festival da Roadie Crew, acesse:

https://www.facebook.com/events/633649614168790/

Para mais informações sobre o festival do Metal com Batata, acesse:

https://www.facebook.com/events/626235627982140/

Além das participações em festivais online, o OVERDOSE NUCLEAR segue divulgando o projeto de crowdfunding para colocar em prática a produção de um vídeo clipe para a faixa “R’itual (Moshpit)”, através da plataforma Kickante. Dentre as recompensas estão itens como a versão em CD físico do debut “Overdose Nuclear”, a versão digital do álbum e camisetas. 

Apoie o projeto:

https://www.kickante.com.br/campanhas/videoclipe-ritual-moshpit

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

https://open.spotify.com/album/1vxMOvyZ5sGC891b9yzsID?si

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Wargods Press

Overdose Nuclear - Roadie Crew

A banda OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, participará da quarta edição do Roadie Crew Online Festival, realizado pela revista Roadie Crew com a produtora Som Do Darma. O já tradicional evento online mensal continua o seu trabalho de divulgação das bandas nacionais fortalecendo a cena do Heavy Metal, sempre com transmissão “Streaming-Live” exclusiva pelo canal oficial da Roadie Crew no Youtube – www.youtube.com/roadiecrewmagtv. A quarta edição do evento vai ao ar na sexta-feira, dia 10 de julho, a partir das 19h:30, e contará ainda com as seguintes atrações: Sepultura, Mystifier, Wizards, Paradise In Flames, Bywar, Delinquentes, Maestrick, Attractha, Vulture, Marenna, WolfPire, Spiritual Hate, Endrah, além de dois especiais com Ignispace e Coven Japan tocando Queensrÿche e o Warshipper e Hammathaz tocando Deicide. O vocalista Julio Candinho comenta: “Ficamos muito gratos pelo convite da Roadie Crew e da Som Do Darma para participar desta grandiosa iniciativa em prol do Metal nacional. Os tempos são sombrios e são ações como esta que fortalecem nosso cenário, movimentando as bandas e os fãs de som pesado!”.

Para mais informações, acesse:

https://www.facebook.com/events/633649614168790/

Além do festival online, Julio Candinho (vocal), Marcus Goulart (guitarra), Gustavo Albado (baixo) e Samuel Marques (bateria) estão divulgando um projeto de crowdfunding para colocar em prática a produção de um vídeo clipe para a faixa “R’itual (Moshpit)”, através da plataforma Kickante. Dentre as recompensas estão itens como a versão em CD físico do debut “Overdose  Nuclear”, a versão digital do álbum e camisetas. 

Apoie o projeto:

https://www.kickante.com.br/campanhas/videoclipe-ritual-moshpit

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

 Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

https://open.spotify.com/album/1vxMOvyZ5sGC891b9yzsID?si

 Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Wargods Press

Overdose Nuclear - Capa

Legítimos criadores do “Metal do Mangue” do litoral norte de São Paulo, o OVERDOSE NUCLEAR acaba de lançar um projeto de crowdfunding para executar a produção de um vídeo clipe para a faixa “R’itual (Moshpit)”, presente em seu debut “Overdose Nuclear”, lançado no ano passado. Julio Candinho (vocal), Marcus Goulart (guitarra), Gustavo Albado (baixo) e Samuel Marques (bateria) tentam driblar a crise causada pela COVID-19 para colocar em prática o projeto: “A pandemia da Covid-19 trouxe grandes desafios para a arte e a cultura e nós, como representantes do Metal do Mangue, tivemos nosso projeto altamente impactado pela pandemia. E qual maneira mais incrível de darmos a volta por cima? Unirmos nossos fãs e apoiadores e criarmos juntos um videoclipe matador que represente nossa diversidade cultural, natureza abundante, crítica política ácida com um ar oculto e aterrorizante que só o Overdose Nuclear sabe fazer! Assim como nossos outros videoclipes, a produção e direção vão ficar a cargo dos próprios membros da banda!”.

Apoie o projeto:

https://www.kickante.com.br/campanhas/videoclipe-ritual-moshpit

E para deixar bem claro como o projeto funcionará, o grupo informa que os custos para a criação do vídeo clipe incluem a contratação de profissionais especializados para as filmagens: “Nós produzimos e fazemos o roteiro e a direção, mas não dá pra gente filmar também né? Então o dinheiro arrecadado vai ser usado para pagar pessoas qualificadas para estarem fazendo as filmagens com o máximo de qualidade e com os demais gastos envolvidos na produção do videoclipe e na sua divulgação”.

Assista ao video clipe de “Kriatura”:

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

https://open.spotify.com/album/1vxMOvyZ5sGC891b9yzsID?si

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

 

Wargods Press

No dia 29/03, domingo, a cidade de Taubaté/SP receberá o show de divulgação do debut do Overdose Nuclear, que fará parte do festival V Taubaté  Metal Fest, ao lado das bandas Paradise in Flames, Mortifer Rage, Beyond Tomb, Devastação Sob Terror e Infector Cell. O festival será realizado no Porca Miséria Bar, localizado na Rua Joaquim Távora, 80, centro de Taubaté, com horário marcado para as 14h e ingressos custando R$ 15,00. Para Julio Candinho, a expectativa pelo primeiro show do ano é grande: “Para o Overdose Nuclear, o ano só começa em março. Como moramos no litoral de São Paulo, na cidade de Ubatuba, acabamos nos envolvendo com outros projetos e trabalhos que nos impedem de tocar nesta época, então a sede pelos palcos é imensa!”.

Mais informações sobre o festival:

https://www.facebook.com/events/3560593627290737/

Legítimos representantes do “Metal do Mangue”, o Overdose Nuclear, formado por Samuel Marques (bateria), Gustavo Albado (baixo), Marcus Goulart (guitarra) e Julio Candinho (vocal), tem angariado excelentes resenhas sobre o trabalho, como por exemplo, o texto de Cláudio Azevedo para o “Blog ‘n’ Roll”, do site A Tribuna“O instrumental do grupo é bastante trabalhado, as músicas chegam a longas durações e estão recheadas de passagens melódicas e solos de guitarra, sem deixar a pegada thrash de lado. Quem lembrou de nomes como Metallica e Testament, acertou em cheio. É por esses mares em que o quarteto parece sentir-se à vontade”. Vinny Almeida, do site Rock Vibrations, destacou o fato de a banda apostar na língua portuguesa para expor suas ideias, afirmando que “com suas canções sendo apresentadas em português, certamente são um dos melhores do gênero no Brasil”. O redator ainda cita as influências variadas do grupo, “desde o terror às críticas sociais, sendo assim um ótimo conteúdo para a vertente e também, combinando com seu instrumental que por vezes soa como o Heavy Metal cru, passando pelo Thrash e chegando até mesmo no Death Metal (em algumas passagens)”.

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

https://spoti.fi/2GVBZpq

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com.br

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa:  www.wargodspress.com.br

Wargods Press

OverdoseNuclear - Press 2.jpg

Do litoral norte de São Paulo vem o OVERDOSE NUCLEAR, disposto a cravar seu nome de vez no Metal brasileiro com o lançamento do debut, “Overdose Nuclear”, englobando músicas que bebem na fonte de estilos com o Heavy, Thrash Metal e Hardcore. Neste caldeirão de influências nasceu o “Metal do Mangue”, um som pesado, agressivo e dotado de muita personalidade. Samuel Marques (bateria), Gustavo Albado (baixo), Marcus Goulart (guitarra) e Julio Candinho (vocal) têm realizado diversos shows para promover o álbum, e agora lançam o lyric video para a música “Nova Era… Velhos Terrores??!”, de letra forte e com clara posição política e filosófica.

Assista ao lyric video:

O lyric video teve produção de José Marcos Faria, e segundo a visão do vocalista Julio Candinho, “a música foi escolhida para se tornar um lyric video justamente por causa de sua letra, onde levantamos alguns temas políticos e que afetam nossas vidas.”. Embora todo o álbum tenha uma levada mais critica e filosófica, “Nova Era… Velhos Terrores??!” parece ter se destacado das demais: “a gente deve realmente acreditar que aquele ou aquilo que estão nos prometendo é real? Vamos continuar deixando nos guiarem de volta para os mesmo problemas do passado com uma nova roupagem? A gente deve acreditar que vai nascer um escolhido para salvar nossas vidas e trazer uma brilhante nova era? E a resposta que encontramos é: NÃO! Não existe esse senhor brilhante que vai descer dos céus, enquanto nós não nos unirmos e enfrentarmos os nossos problemas com muita seriedade esse eterno ciclo de Novas Eras de velhos terrores vão continuar ocorrendo!”.

Ouça “Overdose Nuclear” no Spotify:

https://spoti.fi/2GVBZpq

Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Wargods Press

Overdose Nuclear - Capa.jpg

A trajetória da banda OVERDOSE NUCLEAR teve início em 2012, na cidade litorânea de Ubatuba/SP, quando quatro jovens sedentos por Thrash Metal se deram conta que o litoral norte de São Paulo não é feito somente de sol, belas praias, mata atlântica nativa e gente andando seminua, mas também feito de muita chuva, lugares esquecidos por Deus, miséria, juventude sem esperança, corrupção e abandono da população pelos governantes. Foi nesse cenário ambíguo entre o sol do verão com seus turistas em belos carros e as chuvas e escassez de trabalho do restante do ano que surgiu a banda OVERDOSE NUCLEAR, disposta a criar um Metal forte e agressivo cantado em nossa língua natal.

Após o lançamento da demo “Os Urros que vêm da rua!” em 2015 a banda seguiu firme, criou seu próprio festival (o já tradicional “Inverno de Aço”) e agora celebra o lançamento físico de seu primeiro álbum completo, com Samuel Marques na bateria, Gustavo Albado no baixo, Marcus Goulart na guitarra e Julio Candinho no vocal prontos para se tornar um dos maiores nomes do Metal brasileiro da atualidade. Composto de oito faixas, o quarteto não se baseou apenas no Thrash Metal para construir sua sonoridade. Há elementos massivos de Heavy Metal à la Black Sabbath, com riffs pesadíssimo e uma aura densa e dotada de grande personalidade.

“Overdose Nuclear” foi disponibilizado nas plataformas digitais em maio deste ano, mas agora já pode ser adquirido em versão física direto com a banda, através de sua página no Facebook ou pelo seguinte link: https://overdosenuclear.com/product/327153. O CD também será comercializado nos shows que a banda fará nas cidades de São Paulo (26/07 no Da Tribo Estúdio e 27/07 no Centro Cultural Zapata), Diadema (28/07 no Container Pub Stop) e Caraguatatuba (31/08 na Praça da Cultura).

Ouça “Overdose Nuclear”:

https://spoti.fi/2GVBZpq

Também foi disponibilizada recentemente uma resenha e entrevista no site da Metal Hammer Portugal, que enalteceu o fato de a banda cantar em português e no bate papo pôde descobrir um pouco mais do que move a banda, seja em sua trajetória ou nos seus ideias. Questionada sobre a ideologia que encobrem algumas letras do álbum, a banda respondeu: “Em pleno Séc. XXI tivemos que voltar os olhos novamente para a aniquilação global. Nunca tivemos tantos líderes populistas e loucos a governar nações. Sabem que há um gajo laranja na Casa Branca? No Brasil, um foi eleito prometendo legalizar armas para a população – um país que tem a taxa de homicídio de um país em guerra? Isso, ao lado do aumento da dependência da tecnologia. Não vemos mais o futuro como algo a ser sonhado, sim algo que para ser temido, um futuro claustrofóbico como se estivéssemos presos nas teias da destruição. Também fazemos duras críticas sociais e há umas boas doses de terror nas nossas letras.”.

 Confira o texto completo em:

http://metalhammer.pt/overdose-nuclear-coragem-avassaladora/

 Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa:  www.wargodspress.com.br

Wargods Press

Overdose Nuclear - Capa

A banda OVERDOSE NUCLEAR acaba de lançar seu primeiro álbum, autointitulado, contendo oito faixas cantadas em português e envoltas num Heavy/Thrash Metal recheado de riffs cortantes e letras altamente críticas à situação do Brasil. A capa do álbum contou com o talento de Caio Caldas e a produção ficou a cargo de Hugo Silva, do Estúdio Family Mob. O vocalista Júlio Candinho conta que levou um tempo até que dessem início às gravações do álbum: “Assim que retornamos das gravações da nossa demo “Os Urros que vêm da rua!” em 2015 já iniciamos o processo de composição do álbum com tudo que aprendemos lá “Mr. Som Estudio”. E nesse meio tempo, passamos por diversas formações e formatos, inclusive fomos um power trio por um tempo. Também passamos por todos aqueles velhos problemas de todas as bandas, até que finalmente acertamos a mão, construímos uma formação caoticamente harmônica, finalizamos as músicas e corremos para o estúdio!”.

Sobre o processo de gravação em si, o processo foi rápido e rasteiro, conforme conta o guitarrista Marcus Goulart: “Chegamos a São Paulo no dia 5 de julho, e voltamos dia 11 de julho de 2018, ou seja, gravamos o instrumental do álbum em apenas cinco dias, sem frescuras, gravando pelo menos 12 horas por dia no Family Mob“. Sobre o resultado final ter saído tão orgânico e pesado, Júlio Candinho explica: “O encarregado das gravações foi o Hugo Silva, um monstro da música e um ser humano incrível, aprendemos muito com ele e conseguimos chegar nesse resultado juntos. Buscávamos uma sonoridade única que exaltasse nossas composições e arranjos buscando “aquele sonhado” equilíbrio entre o moderno e aquilo que ouvimos a vida toda, algo feito para durar. Deparamos-nos com um estúdio monstruoso, equipamentos de primeira, aconchegante, e por cinco dias insanos foi nossa casa. A equipe do estúdio, Otávio Rossato (técnico de Som) e o Hugo foram incríveis, de um profissionalismo impecável e fomos muito bem recebidos pelos donos do estúdio, Estevam Romero e Jean Dolabella. O vocal foi finalizado posteriormente e a masterização ficou a cargo de David Menezes.”.

Um dos destaques do álbum é a faixa que dá nome à banda, com dez minutos de duração. Verdadeiro épico Thrash Metal, a música conta com influências variadas, que vão desde o Black Sabbath até o mais insano Thrash Metal. Candinho explica como ela surgiu e como foi trabalhar até chegar ao resultado final: “A música “Overdose Nuclear” foi a última a ser finalizada, apesar de ser umas das primeiras composições da banda, mas na época que começamos a criar ela, percebemos que era muita coisa para o que nós éramos no momento, tivemos que amadurecer, evoluir e crescer pra conseguir finalizá-la. Considero ela como a representação da nossa jornada, do principio da banda até o momento que entramos no estúdio, muitas reviravoltas, riffs insanos, muitos andamentos diferentes e uma longa, longa caminhada, sem nunca esquecer nosso objetivo, que é fazer do nosso som algo que agrade a nós mesmos primeiramente, não se importando com modismo do momento, ou se uma musica de 10:20 é muito longa pro momento atual escroto da cultura, onde tudo tem que ser curto e descartável. A “Overdose Nuclear” não, ela veio pra ficar!”.

 “Overdose Nuclear” já está disponível em todas as plataformas digitais, e segundo a banda, a versão física também deveria sair agora:“pretendíamos lançar tanto o material digital, quanto o físico na mesma data, porém houve problemas envolvendo a arte do encarte, e só devemos estar lançando material físico em CD no mês de junho, e posteriormente uma versão em vinil.”.

Ouça “Overdose Nuclear”

 Spotify: 
https://spoti.fi/2GVBZpq

 Youtube:

https://youtu.be/0Lgz7dC5so4

 Deezer:

https://www.deezer.com/br/album/94847652

 Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa:  www.wargodspress.com.br

Wargods Press

Overdose Nuclear - Capa.jpg

O OVERDOSE NUCLEAR, de Ubatuba/SP, acaba de disponibilizar o video clipe da música “Kriatura”, que fará parte de seu vindouro debut, autointitulado. Com a capa do trabalho assinada por Caio Caldas, da CadiesArt, que já havia trabalhado com a banda na ilustração da demo-tape, Samuel Marques (bateria), Gustavo Albado (baixo), Marcus Goulart (guitarra) e Julio Candinho (vocal) dão os passos finais para o lançamento do álbum. Sobre a música em si, e seu video clipe, Candinho explica que “O retrato da face mais cruel da humanidade, quando o ser humano chega ao seu pior estado, rouba, estupra, mata, distorce tudo a seu bel prazer e interesse, ali mostra a face da Kriatura que habita esse lado escuro do ser. Seus lares, suas famílias, todas as pessoas que vivem em contato com esse tipo de pessoa acaba sujeito a tudo e essa Kriatura é contagiosa, ela se reproduz e se espalha numa velocidade acelerada em um grande ciclo de violência, desespero e dor… Só que as pessoas acabam escondendo essas Kriaturas como monstros em seus armários, preferem ignorar a situação e para isso e o clipe teve o objetivo de dar alguns exemplos horríveis, tipo um: “vocês não vão escapar, a gente vai esfregar a realidade na cara de vocês e vocês vão ter que confrontar isso.”

 Assista ao vídeo clipe:

Num contraponto com a realidade do Brasil, “Kriatura” ainda serve como um espelho da realidade brasileira, envolvida em um grande número de tragédias diárias. “violência familiar e feminicídio é uma realidade cruel da vida do povo brasileiro, existe mercado e abuso sexual com crianças no Brasil é só olhar os jornais, vendidos como bichos muitas vezes por próprios familiares. A taxa de elucidação de homicídios no país é uma piada, a justiça é assassinada todo dia, dependentes químicos se multiplicam aos milhares em grandes centros e  nosso governo é a lama do descaso total com o ser humano e esses foram só alguns exemplos de como as “Kriaturas” vivem na sociedade e como elas transformam tudo gerando mais Kriaturas nessa já Decadente Civilização Brasileira”.

Gravada no Family Mob, a música “Kriatura” contou com a produção de Hugo Silva e masterização de David Menezes. O vídeo clipe foi dirigido pelo vocalista Julio Candinho, com roteiro escrito pela própria banda, imagens de drone por Junior Freitas, captação e edição por David Lisboa e fotografia por Matheus Souza. A banda também agradece aos atores: Jardel Pereira, Aline Foltran, Alice Goulart, Natalia Nunes, Pedro Katatal, Solange Sodre, Manuela e Anita Hernandes.

Saiba mais sobre o conceito do vídeo clipe e do álbum:

https://bit.ly/2TreGNa

 Contatos:

Site oficial: www.overdosenuclear.com

Facebook: www.facebook.com/OverdoseNuclear

Instagram: www.instagram.com/overdosenuclear

Assessoria de Imprensa:  www.wargodspress.com.br

Wargods Press