Zombeers: Banda lança o debut Oficina do Diabo

Publicado: 03/11/2021 por Pedro Mello em News
Tags:,

E o disco mais Rock ‘N’ Roll feito na música brasileira em anos, ganhou vida, no DIA DOS MORTOS, 02 de novembro de 2021.

Oficina do Diabo é o álbum de estreia do Zombeers, uma banda que, com seus dez anos de atividade, parou no tempo e faz Rock de raiz, sujo, putanheiro e alcoolizado, como a maior parte já fora um dia, em épocas nas quais isso era aceito e compreendido como um formato musical.

São 12 temas que passam das bebedeiras às jogatinas, sempre com um toque sexista e como se brinca na abertura do álbum, de forma conceitual, sonhando que estão em 1985,

Um disco direto, pegado, com bastante guitarra, vocais sujos, cozinha coesa e letras que hoje são consideradas “erradas”, tudo com um grande toque de humor.

A produção ficou a cargo de Andre A.Lien (Imminent Attack) e do vocalista Heverton “Verme” Souza, com masterização de Ivan Kveirinha (Imminent Attack), sendo todos os processos realizados no Studio 3, na cidade de Osasco, na Grande SP.

Entrem de cabeça no Rock Sujo dos paulistas do Zombeers e lembrem-se como o básico do Rock já foi bom um dia, inclusive no Brasil.

Oficina do Diabo, o Rock Sujo clássico na década de 2020

O Ano era 1985. Marty McFly dava o presente de Natal queimando asfalto nos cinemas, na TV, MacGyver estreava disputando a audiência com a Super Vicky, enquanto o Brasil ficava entre Roque Santeiro, Ti Ti Ti e A Gata Comeu… Nos palcos, o público conheceu a giganteza musical com seu primeiro Rock in Rio: Queen, Iron Maiden, Scorpions, Ozzy Osbourne, Whitesnake e o rock cru do AC/DC, com sua excitante homenagem à Rosie, foram as grandes atrações do festival.

1985 apenas era o ano do sonho do guitarrista Vagau, que abre o disco falando disso, enquanto seu colega de banda o chama para o trabalho supostamente ou suspeitamente de “bom moço”, do ano de 2021, numa década na qual fazer o Rock no Brasil em seu formato lírico clássico é o mesmo que pedir para ser “cancelado” através das redes sociais, que funcionam como tribunais digitais de uma sociedade que mais julga, aponta e grita, que faz.

O projeto
Oficina do Diabo ganhou seu lançamento digital, como mandam os tempos modernos, mas também busca a parceria de um selo para ganhar um formato físico.

A capa, traz o desenho da enfermeira zumbi que mexe com a mente vazia do homem, do artista Clayton Amorim, combinando com o fundo “diabólico” criado pelo vocalista Heverton, responsável pelo conceito e por todo o encarte. Dentro desse layout, as músicas, separadas por episódios, sugerem que a banda é parte de uma velha ficção televisiva e talvez por isso traga temáticas tão “desatualizadas”.

Os créditos seguem com a mesma ideia, dando a somatória de todo o tom divertido da obra..

O encarte de Oficina do Diabo, pode ser acessado pelo link (Copiar e colar em seu navegador):
https://online.fliphtml5.com/wjdws/tkrj/

Ou através do QRCode:

Sobre a banda Zombeers
Com músicos como Diogo “Vagau” Trentin (North Commando (NoCom) e Gritando HC) e Heverton “Verme” Souza, um nome do Metal paulista de bandas como Distort, Imperium Infernale, Acacia Crow e a clássica Eternal Malediction, a banda tem sua formação completada atualmente por Diego “Papi” Oliveira, baixista que se dedica exclusivamente aos zumbis alcoolizados desde 2010, ano de sua formação, e segue sem baterista fixo, mas sempre com ótimos parceiros nas baquetas por onde a banda vá.

Ao longo desses 11 anos de atividade, o Zombeers lançou apenas um EP, o Alcoólicos Nada Anônimos, de 2013.

Mesmo tendo músicas suficientes para mais dois discos completos, as gravações eram inviáveis em termos de recursos, o que mudou apenas quando surgiu a parceria do Zombeers com o Studio 3, uma casa que abriu as portas à banda e acreditou no projeto, dando todo suporte desde as gravações, ocorridas ao longo de 2020, até a mixagem e masterização, finalizando o disco que ganhou seu lançamento no Dia do Mortos:
02 de novembro de 2021.

O Zombeers agora busca voltar aos palcos para divulgar todo o Rock Sujo de sua ousada obra, Oficina do Diabo.

Oficina do Diabo está disponível nas principais plataformas de streaming e YouTube.

Siga a banda nas redes sociais:

Facebook:
https://www.facebook.com/Zombeers

Instagram:
https://www.instagram.com/zombeers_band/

Lux Press Assessoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s