Eluveitie: Noite ‘Sold Out’ no Rio de Janeiro

Publicado: 18/04/2015 por Pedro Mello em News, Resenhas Shows
Tags:, ,

DSCN3128

Eluveitie no palco do Teatro Odisséia

Dia 12 marcou o retorno dos suíços do Eluveitie ao Rio de Janeiro. A banda que já conta em sua história com 6 álbuns de estúdio e 3 registros ao vivo desembarcou em terras cariocas para uma apresentação no Teatro Odisséia. Já na entrada, dava-se para notar de que seria uma noite de casa cheia.

Mesmo com a banda desfalcada pela violinista Nicole Ansperger e o baixista Kay Brem, o público demonstrava confiança e aguardava ansiosamente pelo início do show. O Teatro Odisséia foi ficando tomado e quando a banda subiu o palco, a casa havia lotado.

Após uma breve introdução, Rafael Salzmann (Guitarra), Anna Murphy (Vocais/Hurdy Gurdy), Ivo Henzi (Guitarra), Merlin Sutter (Bateria), Matteo Sisti (Instrumentos Folk/Bagpipes) e Christian “Chrigel” Glanzmann (Vocais/Mandolin/Bagpipes) sobem ao palco e começam o show com King, música presente no mais novo álbum da banda, Origins – 2014.

O Eluveitie é uma das mais expressivas bandas de Folk Metal da atualidade, e conta com uma trajetória que agrada muito aos fãs, atentos a isto, a banda selecionou algumas músicas para o setlist sul-americano segundo pedidos dos fãs em seu website, sendo assim não faltaram músicas como Nil, Thousandfold (ambas do álbum: Everything Remains As It Never Was – 2010), Alesia (Helvetios – 2012) e as novas, The Call Of Mountains, The Silver Sister e Inception.

DSCN3168

Christian “Chrigel” Glanzmann e Anna Murphy

O set contou com um passagem acústica onde foram executadas Memento, Brictom (as duas de Evocation I: The Arcane Dominion) e A Rose For Epona (Helvetios – 2012). O destaque fica pela interpretação vocal de Anna Murphy, assim como sua habilidade com o Hurdy Gurdy,  e o trabalho com os instrumentos folk de seus companheiros Matteo e Christian. Após o momento mais calmo do show, Christian lembrou a todos que aquilo ainda era um show de Heavy Metal e pediu uma grande roda para a execução da nova The Nameless.

O Eluveitie já tinha se apresentado no Rio de Janeiro em 2013, e ainda pareciam surpresos e bem animados com o público, o italiano Matteo parecia curtir muito o show, o cara dançava todas as músicas e demonstrava o quanto estava feliz por estar ali, os sorrisos entre os músicos quando o público soava alto e cantarolavam juntamente com os momentos instrumentais eram facilmente percebidos.

Para fechar a apresentação, levando o público a cantar a plenos pulmões, foram apresentadas as já clássicas Inis Mona (Slania – 2008) e Tegernakô (Spirit – 2006). Ao final do show os músicos circularam entre os fãs, atenderam a todos os presentes e dividiram suas caipirinhas. Mesmo bem cansados devido a correria da atual turnê, não deixaram de agradecer e sentir um pouco do calor dos fãs cariocas.DSCN3292

Matteo e Rafael 

Setlist: Origins/ King/ Nil/ From Darkness/ Uis Elveti/ Thousandfold/ Primordial Breath/ Sucellos/ Omnos/ De Ruef vo de Bärge/ The Call of the Mountains/ Inception/ Memento (Acoustic)/ Brictom (Acoustic)/ A Rose for Epona (Acoustic)/ The Nameless/ Kingdom Come Undone/ The Silver Sister/ Quoth the Raven/ Alesia/ Inis Mona/ Tegernakô/ Epilogue.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s